Secretaria de Justiça e Direitos Humanos e Procon irão notificar rede de postos que divulgou suposto desabastecimento para este domingo


A Secretaria de Justiça Direitos Humanos e o Procon de Pernambuco emitiram nota onde declaram que irão notificar uma rede de postos localizada na Grande Recife após eles publicarem uma nota onde falavam em um possível desabastecimento dos postos de combustível por conta de uma paralisação no porto de Suape.

Apesar da postagem da rede de postos não afirmar que haveria o desabastecimento, reforçando que o boato não estava confirmado, os áudios de supostos caminhoneiros  avisando de nova greve a partir da madrugada deste domingo (2) aumentou o temor na população.

 Confira a íntegra da nota:

“Nota à imprensa

A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) e o Procon/PE informam que na próxima segunda-feira (03/09) estarão notificando a empresa PetroMega a prestar esclarecimentos quanto a nota veiculada em suas redes sociais neste sábado. O informativo, sem qualquer fundamentação, alerta de forma irresponsável a população quanto à possibilidade de paralisação no abastecimento de combustíveis no estado.

A SJDH esclarece, ainda, que provocar alarme, anunciando perigo inexistente, ou praticar qualquer ato capaz de produzir pânico ou tumulto é crime previsto no Art. 41, da Lei de Contravenções Penais (LCP), sob pena de prisão simples, de quinze dias a seis meses, ou multa.”

PB Agora

Previous Oito homens são presos em flagrante em operação contra pornografia infantil e abusos contra crianças no RJ
Next Jovem é morto em campo de futebol, em Lagoa de Roça, na PB

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *