Pastor orienta jogadores à fé em Cristo do outro lado do mundo: “No Japão falta isso”


O realizado por um pastor evangélico brasileiro que atua como fisioterapeuta do outro lado do mundo, no Japão, tem feito a diferença na vida de vários jogadores de futebol que vivem naquele país.

Em função da sua profissão na área esportiva, Rodrigo Salvitti já esteve com a sua esposa, Adriane, em países como Rússia, Grécia, Chipre e Inglaterra. Porém, algo em comum marca a história dos dois: o desejo de anunciar o Evangelho de Jesus Cristo.

“Todos os lugares onde fomos, nós entendemos o ‘ide’. Esse é o propósito. Sabemos que precisamos trabalhar e fazer o melhor na nossa área, mas existe uma coisa que é chamado de todos: ide e pregai o Evangelho”, disse Rodrigo, segundo informações do portal Guiame.

Atualmente o pastor Rodrigo faz parte da equipe técnica do Kashima Antlers, do Japão, e lá tem ministrado na vida dos atletas que entram em contato com ele, além dos moradores da região, que frequentam a Igreja Apostólica Restaurando Nações (IARN), em Ibaraki, liderada por Rodrigo.

Rodrigo explica que o evangelismo é uma consequência do seu estilo de vida, onde é impossível separar uma coisa da outra. “Quando você entende isso, começa a viver de uma maneira diferente. Não há como ter vida sem os valores e princípios de Deus”, diz ele.

Os frutos desse trabalho liderado pelo pastor já se mostram na vida dos jogadores, como o atacante Serginho, também brasileiro, que acredita ter ido jogar no Japão por um propósito de Deus, porque foi lá que ele conheceu o Evangelho.

“Eu não vim para cá à toa. No momento em que cheguei já conheci o Rodrigo e sabia que eu queria conhecer mais a Deus. Eu estou nesse momento que eu quero aprender mais sobre Ele”, declarou o atleta.

Bueno, outro jogador que também é membro do ministério do pastor Rodrigo, diz que a missão deles como cristãos atinge diretamente o estilo de vida dos japoneses. Eles acreditam que a cultura local precisa ser impactada pelo Evangelho.

“Os japoneses têm a cultura deles, mas estamos aqui por um propósito. Eu creio que o nosso propósito é ‘abrir os olhos’ espirituais deles e, com o máximo que puder, passar a Palavra para os japoneses. Eles são carentes disso, eles também precisam de uma palavra do amor de Deus”, conclui o jogador.

Previous Indivíduo invade igreja evangélica e mata ao menos quatro pessoas no interior de MG
Next Estúdio de TV cristã é atacado e completamente destruído em Jerusalém

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *