Corpo de paraibano morto durante perseguição policial no CE é velado


O corpo do competidor de sinuca José Messias Guedes Oliveira, de 35 anos, morto na última terça-feira (31) após o carro em que estava ser metralhado durante uma abordagem policial em Campos Sales, no interior do Ceará, está sendo velado nesta quinta-feira (2), na cidade de Patos, no Sertão paraibano.

Messias estava indo junto com outros 4 homens para um evento de sinuca. Um sobrevivente declarou no boletim de ocorrência que um policial relatou ter recebido ligação de um frentista denunciando que havia homens com fuzis em um veículo igual ao que eles estavam.

A vítima foi atingida na região do abdômen e morreu. Um outro jogador que estava no carro foi ferido de raspão no pescoço e socorrido em um hospital. O veículo foi atingido por diversos tiros.

PB Agora

Previous Campinense leva multa por atitude homofóbica por parte da torcida
Next LIVRES: dupla suspeita de roubar carros responderá em liberdade

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *