Botafogo não terá força máxima no jogo decisivo de sábado


O técnico Evaristo Piza começa hoje a definir a equipe do Botafogo para o jogo do próximo sábado, às 19h30, no Almeidão, contra o Juazeirense, pela última rodada da fase de classificação do Brasileiro da Série C. Com suspensões e retornos, a equipe deverá ser bastante diferente da que empatou no último domingo, com o Globo, em Ceará Mirim.

Os problemas são na defesa e no meio campo. Na zaga, o goleiro Saulo, o lateral direito Gedeilson e o zagueiro Junior Lopes levaram o terceiro cartão amarelo. No meio campo Rogério também levou o terceiro cartão amarelo e Rafael Jataí foi expulso. Todos terão de cumprir suspensão.

A partir de hoje, o técnico quebra a cabeça para encontrar os substitutos. Para o gol, quem deverá jogar é Remerson. Para a lateral direita, Felipe Cordeiro, que já foi titular, deverá ficar com a vaga. Para o lugar de Junior Lopes, quem deverá retornar para fazer dupla de zaga com Gladstone é Lula. Já para substituir os volantes, as opções são Humberto, Allan e Hiroshi. Mas nem tudo é preocupação para o treinador Evaristo Piza. Ele terá o retorno de dois jogadores muito importantes para esta partida contra a Juazeirense. Tratase do meia Marco Aurélio e do atacante Clayton.

Ambos não enfrentaram o Globo, porque estavam cumprindo suspensão. Com 25 pontos e na quarta colocação, o Belo só não está ainda matematicamente classificado, porque pode ser ultrapassado pelo quinto colocado, o Confiança que tem 22 pontos. Mas para que isto ocorra, o time de Sergipe teria de vencer o Globo, o Botafogo perder em casa para a Juazeirense, e o Confiança tirar uma larga diferença no saldo de gols. Hoje o Belo tem um saldo de 5 gols, enquanto que o Confiança 1 gol negativo.

Redação com PBAgora

Previous Correios adiam decisão de greve para negociar proposta do TST
Next Governo libera pagamento do Fundo do PIS/Pasep a partir de hoje

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *